EDUFES | Sete ensaios sobre os imperialismos | literatura e biopolítica
EDUFES

Sete ensaios sobre os imperialismos | literatura e biopolítica

Arquivos

Comprar na Livraria da Ufes

Comprar por e-mail


Título

Sete ensaios sobre os imperialismos | literatura e biopolítica

Descrição

Os sete ensaios deste livro analisam o efeito das relações mercantis – as quais, sobrepondo-se às relações humanas, constituem o eixo da civilização burguesa – sobre uma biopolítica capaz de moldar corpos individuais e coletivos. Nesse contexto, o imperialismo seria a metacivilização burguesa, que teria na fantasmagórica biopolítica dos povos uma de suas mercadorias. Cabe observar agora se Inglaterra, Alemanha, França, Itália, para citar alguns países de vocação imperialista, conseguiram transformar o planeta com suas respectivas biopolíticas mercadológicas ou se o único país a ir mais longe no cumprimento dessa tarefa monopolista, apropriando-se do capital tanto industrial quanto financeiro, foram os Estados Unidos. Tomou-se então, como desafio irrecusável, verificar aqui o poder do soberano imperialismo americano sobre todos nós, além de descobrir como a arte, sobretudo a literária, situa-se hoje biopoliticamente.

Idioma

ISBN

978-85-7772-444-4

Preço

Ano de Publicação

Data da adição
March 10, 2020
Assunto
Política
Tipo de Item
Livro Impresso
Tags
, ,
Referência
Luis Carlos Muñoz Sarmiento e Luis Eustáquio Soares, “Sete ensaios sobre os imperialismos | literatura e biopolítica ,” EDUFES, acesso em 22 de outubro de 2020, http://edufes.ufes.br/items/show/519.