EDUFES | Professores lançam livro que liga a história da África à formação do Brasil · Novidades
EDUFES

Professores lançam livro que liga a história da África à formação do Brasil

Com o objetivo de levar ao leitor pesquisas atualizadas sobre a história da África e a trajetória dos africanos no Brasil, os professores Gilvan Ventura e Adriana Campos, ligados ao Departamento de História da Ufes, e a doutoranda Kátia Sausen da Motta lançam, pela Editora da Ufes (Edufes), o livro O espelho negro de uma nação. O evento será realizado nesta quinta-feira, 12, às 18h30, na sede da Associação dos Docentes da Ufes (Adufes), durante o lançamento coletivo de cinco livros do III Encontro de Pós-Graduandos da Sociedade Brasileira de Estudos do Oitocentos. A entrada é gratuita.

A obra divide-se em três partes – (Re) Descobrindo um Continente; O Cotidiano da Escravidão; e O Ensino da História Afro-brasileira – e reúne produções acadêmicas oriundas dos grandes centros de pesquisa, auxiliando na exploração da riqueza da história africana e na demonstração de como ela se confunde com a história do Brasil.

"Os organizadores cumprem, desse modo, uma tarefa de suma importância para a consolidação da Lei nº 10.639", analisa a professora do Departamento de História Patrícia Merlo, que fez a apresentação do livro. A professora refere-se à lei que torna obrigatório o ensino da história e da cultura afro-brasileira e africana em todas as escolas, públicas e particulares, do ensino fundamental até o ensino médio.

Após o lançamento, O espelho negro de uma nação poderá ser adquirido na Livraria da Ufes por R$ 40. A versão digital da obra poderá ser baixada por meio do site da Edufes (edufes.ufes.br).

 

Texto: Adriana Damasceno
Edição: Thereza Marinho

Professores lançam livro que liga a história da África à formação do Brasil